Radiohead e o vídeo que expõe a exploração infantil

1 05 2008

Chocante mas importante. É assim o vídeo da música All I Need dos Radiohead.

Porque a realidade da exploração infantil, ainda que à distância do conforto da maioria dos países ocidentais, continua a existir e não se antevê o seu fim.

 

Letra:

I’m the next act
Waiting in the wingsI’m an animal
Trapped in your hot car

I am all the days
That you choose to ignore

You are all I need
You are all I need
I’m in the middle of your picture
Lying in the reeds

I’m a moth
Who just wants to share your light

I’m just an insect
Trying to get out of the night

I only stick with you
Because there are no others

You are all I need
You’re all I need
I’m in the middle your picture
Lying in the reeds

It’s all wrong
It’s all right
It’s all wrong

 

 

Fonte: Público

Anúncios




Quadratura solidária

13 03 2008

quadratura.jpg

Ontem, na edição da Quadratura do Círculo, na Sic Notícias, comentadores e apresentador despediram-se de uma forma peculiar: com um nariz de palhaço.
A iniciativa partiu de Lobo Xavier e pretendia despertar a curiosidade e prestar homenagem à “Operação Nariz Vermelho”, iniciativa da Associação Nariz Vermelho.
A Associação, pela figura do Doutor Palhaço, visa animar os serviços pediátricos dos hospitais.
De louvar e de homenagear. Este post não é mais do que a minha singela homenagem.

Mais em:

http://www.narizvermelho.pt/epages/narizvermelho.sf/pt_PT/?ObjectPath=/Shops/OperacaoNarizVermelho/Categories/drPalhaco

 Vídeo em:

http://sic.sapo.pt/online/video/informacao/





Comércio Justo

3 03 2008

comercio_justo.jpg 

Fotografia retirada do blog Tekoha

 O Comércio Justo é definido pela News! (Rede Europeia de Lojas de Comércio Justo) como sendo:

«Uma parceria entre produtores e consumidores que trabalham para ultrapassar as dificuldades enfrentadas pelos primeiros, para aumentar o seu acesso ao mercado e para promover o processo de desenvolvimento sustentado.»

 O conceito terá começado nos EUA, em 1946, com a importação de artigos de renda do Porto Rico. Nessa década, a SERRV começou a negociar com comunidades desfavorecidas do Sul do mundo.
A primeira loja de Comércio Justo, data de 1958, nos EUA.
Na Europa, o conceito entrou na década de 50. Em 1964 é criada a primeira “Fair Trade Organization”, em Inglaterra.

Hoje, existem cerca de 3000 lojas de Comércio Justo na Europa. O número de intervenientes é igualmente surpreendente, contando-se cerca de 96000 voluntários e 4000 trabalhadores, só no Velho Continente.

A primeira loja do género em Portugal, data de 1999, em Amarante. Em 2001, é criada a Coordenação Nacional de Comércio Justo (CPCJ).

Todas as organizações envolvidas no circuito do Comércio Justo devem obedecer aos seguintes princípios (in Wikipédia):

  • A preocupação e o respeito pelas pessoas e pelo ambiente, colocando as pessoas acima do lucro;
  • A criação de meios e oportunidades para os produtores melhorarem as suas condições de vida e de trabalho, incluindo o pagamento de um preço justo (um preço que cubra os custos de um rendimento aceitável, da protecção ambiental e da segurança económica);
  • Abertura e transparência quanto à estrutura das organizações e todos os aspectos da sua actividade, e informação mútua entre todos os intervenientes na cadeia comercial sobre os seus produtos e métodos de comercialização;
  • Envolvimento dos produtores, voluntários e empregados nas tomadas de decisão que os afectam;
  • A protecção dos direitos humanos, nomeadamente os das mulheres, das crianças e dos povos indígenas;
  • A consciencialização para a situação das mulheres e dos homens enquanto produtores e comerciantes, e a promoção da igualdade de oportunidades;
  • A promoção da sustentabilidade através do estabelecimento de relações comerciais estáveis de longo prazo;
  • A educação e a participação em campanhas de sensibilização;
  • A produção tão completa quanto possível dos produtos comercializados no país de origem.

Mais sobre Comércio Justo:

http://www.fairtrade.net/

http://coresdoglobo.org/

http://reviravolta.comercio-justo.org/

http://alternativa.comercio-justo.org/index.php

 E exemplos:

http://bons-sinais.blogspot.com/

http://equacao.comercio-justo.org/index.php

Reportagem de Joana Martinho e Sara Coelho sobre o Comércio Justo: