San Sebastian, Espanha – Quando as cores se escondem no nevoeiro

26 09 2007

Este é um texto que publiquei no meu blog Outrascoordenadas no dia 31 de Maio deste ano. O texto acabou por ser editado no suplemento Fugas, do Jornal Público, embora, estranhamente, tenham colocado uma fotografia diferente da que lhes enviei.
As viagens, como já referi, são uma das minhas grandes paixões e escrever sobre as cidades que visitei, tornou-se uma das minhas actividades de eleição.


A vizinha Biarritz roubou-lhe os turistas que procuram passar férias em praias famosas. E ainda bem.
Não se pode dizer que tenha sido esquecida pelos turistas. Há um turismo significativo mas que ainda nos deixa circular à vontade pela cidade.
O nevoeiro constante tenta esconder a beleza desta cidade basca. Não consegue. Pelo contrário, dá-lhe um toque especial e memorável.
Imagino-a quando chove. Aí as cores que a pintam e se escondem ganharão brilho certamente.
À noite, entre os encontros na praia e uma especie de Bairro Alto mais asseado e mais silencioso, tem que sobrar tempo para um passeio ao longo da marginal.
A calma e a beleza que a cidade nos oferece servirão de inspiração a muitos artistas certamente. Do alto da cidade tem-se uma fantástica, ainda que turva imagem da cidade.
Uma surpreendente quantidade de pessoas faz jogging pela cidade, demonstrando bem a tranquilidade e bom ambiente que se vive em San Sebastian. O senhor que toca saxofone num pequeno túnel por onde todos passam, dá-lhe um toque romântico.
A “Bahía de la Concha” como que abraça a pequena Ilha de Santa Clara.
Imagino-me a passar aqui uma temporada. A calma, a beleza, a praia, o mistério que o nevoeiro causa, deixam saudade quando se abandona a cidade.
Vale a pena visitar San Sebastian. Provavelmente mais no Inverno do que no Verão até…


Ações

Information

4 responses

2 10 2007
Tomás N Andrade

nuno como vas todo tío? que pasa en lisboa? que tal lo curso?! la verdad es que san sebastian es de puta madre!!! todavia solo me quedei unas horas allí, pero que yo estoy apenas ha una hora de autobus que custa solo 8€… finalmente otro blog! no era que yo no gustaba de outrascoordenadas, pero que no tenias más asunto para escribir…. te dejo un abrazo y espero que te possas quedar aquí en pamplona para que nosotros podemos viajar para san sebastian

2 10 2007
Nuno Abreu

grande tomas vejo que já dominas o espanhol. agora vai treinando o basco ehe
a visita está prometida vamos lá ver é se consigo cumprir a promessa…
vai visitando o blog que é uma visita mais pratica e económica…
grande abraço

10 03 2008
João Almeida

Que saudades estas fotos me trazem… É das cidades mais interessantes de Espenha!

PS – Já agora penso que o nome está errado, não é San Sebastien mas sim San Sebastian, ou então Donostia, se estivermos a falar em euskera.

10 03 2008
Nuno Abreu

foi uma cidade que me fascinou bastante, San SebastiAn.
obrigadíssimo pela correcção, veja lá que sempre escrevi o nome de forma errada…
vá la que o Fugas corrigiu o erro mas só agora reparei.
abraços e volte sempre

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: